Arquivo de Personagens Femininas

TRANSCENDER - Ultrapassar; ser superior a: às vezes certos sentimentos transcendem a razão.

Se clicares nas palavras que encontras a vermelho encontrarás curiosidades, textos relacionados e novas (ou revistadas) leituras 📚🦊

Levo alguns meses alimentado esta ideia na minha cabeça-coração, quando me predispus a construir o blog da livraria,  eram dois os objetivos que procurava: o primeiro, era dar visibilidade as escritoras.

Aborrecida que os escritores (geralmente são eles os inquiridos) questionados pelos livros que os marcaram – o seu cânon pessoal – quase sempre mencionam outros escritores, aumentando uma lista que ignora as escritoras.  Ao fim de dois anos de Confraria Vermelha e  do Clube de Leitura – As Leitoras de Pandora, fui acumulando uma lista de leituras super interessante que podia enriquecer essa lista.

O segundo objetivo deste blog,  era tecer pontes entre livros e leitoras-os, falar sobre as nossas leituras. Acima de tudo, partilhar a excitação, a surpresa ou o (re)conhecimento que nos oferecem certas leituras.

Pensando em todas as leituras partilhadas e nas que nos esperam gostava de vos propor um desfio. Este ano não será um desafio como o do ano passado, não implica aumentar a vossa pilha de futuras leituras, simplesmente quero desafiar-vos a ter os olhos bem abertos para as personagens femininas que encontrem nas vossas leituras. Valem todos os livros, aqui o importante são as personagens. 

O desafio é criarmos juntas um Arquivo de Personagens Femininas.

Em que é que consiste?

Consiste em PROCURAR nos livros que lemos, personagens femininas empoderadas,  ou seja,  afastadas dos clichés convencionais e que de alguma forma,  construam a sua própria história/vida.  Por exemplo em A livraria de  Penelope Fitzgerald, a autora conta-nos como uma mulher viúva abre uma livraria na sua aldeia, com todos os riscos que isso implica. Florence Green seria uma magnífica candidata para este desafio. Também podem ser personagens de livros que já leram e que deixaram uma marca no vosso universo literário.

O que vamos fazer?

Vamos PARTILHAR. Quando encontremos uma personagem feminina que desperte o nosso interesse e que encaixe nos objetivos deste desafio, escrevemos um texto e partilhamo-lo no arquivo personagens e assim  VISIBILIZAR outros modelos de mulher. A mim corresponde-me organizar o arquivo com as vossas referências e partilha-las com outras/os leitoras/os.

Quero Participar

Qual é o objetivo?

  • Criar um arquivo de personagens femininas afastadas dos clichés.
  • Criar um arquivo de personagens femininas inspiradoras.
  • Promover a leitura de obras que desconstruam os estereótipos de género que persistem na literatura (na cultura, na sociedade).
  • Oferecer uma lista alternativa de outros modelos de mulher, mais tolerantes e reais, com os quais as leitoras (e leitores também) se sintam identificados ou lhes mostre que podem escolher como querem ser e não como lhes impõe as convenções sociais e culturais.

Arquivo de Personagens Femininas

  • Olive Kitteridge (Olive Kitteridge  de Elizabeth Strout) Ler»»
  • Jane (Jane Eyer de Charlotte Brontë) Ler»» Brevemente
  • Ana (Anne of Green Gables de L. M. Montgomery) Ler»» Brevemente
  • Jo March (Mulherzinha de L. May Alcott) Ler»» Brevemente
  • Marjane (Persépolis de Marjane Satrapi) Ler»» Brevemente
  • Penny  (Bitch Planet de Kelly Sue DeConnick)  Ler»» Brevemente
Faz este arquivo crescer.
Quero Participar
7 Personagens femininas que marcaram a literatura
Elizabeth Bennet (Orgulho e Preconceito de Jane Austen)

 

Anúncios