Um livro, todos os meses, em tua casa.

A ideia de criar uma Assinatura Confraria – Um livro, todos os meses, em tua casa – surgiu em Outubro de 2017, mais concretamente no dia 5 de Outubro quando foi outorgado o Prémio Nobel da Literatura, e novamente, aconteceu o que já é habitual: nem Murakami nem uma mulher ganharam o prémio.

Nesta ocasião havia duas escritoras na lista dos 8 finalistas, Margaret AtwoodJoyce Carol Oates, mas a Academia escolheu o escritor Kazuo Ishiguro.

Mais uma vez a distância entre os géneros na lista de premiados aumentava. Dos 110 Nobel da Literatura, só 14 são mulheres.

Números tão difíceis como estes, esclarecem a necessidade de reeinvindicar as obras escritas por mulheres e por isso surge no início deste ano a Assinatura Confraria, para descobrir e ler mais escritoras. Um livro, todos os meses, em tua casa.

Um livro, todos os meses, em tua casa.

Em Janeiro foram várias as leitoras e leitores que subscreveram esta assinatura e se juntaram à nossa comunidade leitora. Os primeiros livros foram enviados na primeira semana de Fevereiro e para começar a nossa descoberta e visibilização de escritoras este mês propusemos a leitura de obras das escritoras Rebecca West, Andréa del Fuego, Samanta Schweblin e Penelope Fitzgerald.

Resultado de imagem para rebecca west

Rebecca West, DBE, pseudônimo de Cecily (ou Cicily) Isabel Fairfield (21 de dezembro de 1892, Londres, Inglaterra – 15 de março de 1983) foi uma escritora inglesa. Autora do livro “Black Lamb and Grey Falcon” (publicado em 1941) em que faz o relato de uma viagem de um mês e meio, em 1937, pela Croácia, Dalmácia, Bósnia, Herzegovina, Sérvia, Montenegro e Kosovo. A obra é considerada por muitos uma das mais magníficas evocações do mundo bizantino e otomano antes da II Guerra Mundial.

Resultado de imagem para Andrea del FuegoAndréa del Fuego nasceu em São Paulo, em 1975. É autora da trilogia de contos Minto enquanto posso (2004), Nego tudo (2005) e Engano Seu (2007). Escreveu também os contos juvenis Sociedade da Caveira de Cristal (2008) e Quase Caio (2008). Integra, entre outras, as antologias Os cem menores contos brasileiros do século e 30 mulheres estão fazendo a nova literatura brasileira. Em 2011, foi finalista dos Prémios São Paulo de Literatura e Jabuti (na categoria romance) e venceu o Prémio Literário José Saramago.

Imagem relacionadaSamanta Schweblin (Buenos Aires – 1978) é considerada uma das vozes mais prometedoras da sua geração. O seu talento, originalidade e mestria técnica na arte do conto granjearam-lhe rasgados elogios por parte da crítica, que não hesita em colocar a sua escrita na descendência directa dos grandes contistas argentinos do séc. XX, aclamando-a como a legítima herdeira de Borges, Cortázar e Bioy Casares.

Resultado de imagem para Penelope FitzgeraldPenelope Fitzgerald é uma das mais notáveis vozes da ficção britânica. Depois de se licenciar em Somerville College, Oxford, trabalhou na BBC e durante a guerra foi editora de um jornal literário, geriu uma livraria e ensinou em várias escolas, incluindo uma de teatro. Autora de nove romances, três dos quais – A LivrariaThe Beginning of Spring e The Gate of Angels -estiveram na shortlist para o Booker Prize, ganhando o prémio em 1979 com Offshore. O seu último livro, A Flor Azul, em 1995 foi eleito como o Livro do Ano.

Já leram alguma obra das escritoras citas?
Agora ficamos aguardar  o feedback da nossa comunidade leitora. Aqui nos comentários. 🤓📚

Texto escrito

Anúncios

One thought on “Um livro, todos os meses, em tua casa.

  1. Pingback: Penelope Fitzgerald – Confraria Vermelha Livraria de Mulheres

A tua opinião é importante

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s