Uma história como outra qualquer

Com o inicio do Plano B, a máquina criativa que funciona dentro da minha cabeça começou a funcionar a todo vapor, a pensar em como podia promover a continuidade do crowdfunding e tornar a livraria numa realidade ainda mais real.

Sentada no meu sofá, com a companhia do meu gato disse a mim mesma:

– Aida, embarcaste nesta aventura por um conjunto de motivos (o amor ao livros, um sonho de criança, a luta feminista, criar o teu próprio emprego, promover actividades sociais e culturais para a igualdade….) por isso a primeira coisa que tens que fazer neste Plano B é traçar uma lista (adoro fazer listas) de coisas  para activar este plano.

Papel e caneta na mão, decido fazer uma lista de 5 iniciativas para promover e conseguir o financiamento para abrir a nossa (minha e vossa) livraria.

Cinco pareceu-me, nesta primeira fase do Plano B, um número suficientemente ambicioso em termos de objectivos a alcançar.

Tentei criar iniciativas realistas e concretas que eu pudesse desenvolver com os recursos de que disponho neste momento e promovessem a sororidade e o envolvimento da comunidade 
para continuar a tecer redes. 

A minha lista #juntascontinuamosafazeracontecer é: 

  1. Fazer uma digressão com a sessão de contos “A Estirpe das Capuchinhas”.
  2. Passear com a mala (Her)story pelos recantos do Porto e quem sabe de Portugal.
  3. Criar a Confraria Tv
  4. Criar a  shopfunding “Phenomenal Woman”
  5. Colaborar em algumas publicações literárias e feministas.
Agora que já tenho traçadas as 5 iniciativas 
é começar a trabalhar na direcção ao objectivo: 
Abrir a nossa Confraria Vermelha Livraria de Mulheres 
no dia 25 de Novembro de 2015, vamos a isso?  

IMG_0896 a

Hoje vou falar-vos um pouquinho mias da iniciativa número um:

A digressão dos contos “A Estirpe das Capuchinhas”

A ideia desta iniciativa para promover a livraria nasceu em Lisboa quando fui fazer a apresentação do projecto.

Com a digressão de contos quero visitar vários espaços e cidades e partilhar os contos deste clã que são (somos) as Capuchinhas.

A digressão tem o intuito de levantar fundos para abrir 
a livraria física Confraria Vermelha na cidade do Porto. 
Será a primeira Livraria de Mulheres de Portugal.

IMG_0918 aNa companhia da estirpe das Capuchinhas, vou contar-vos contos que falam de mães, avós, madrastas, madrinhas, mães adoptivas, sogras, filhas, esposas, amantes, guerreiras… e das relações que entrelaçam as suas vidas . Histórias que sobrevivem por “mutação interminável” por isso no final da sessão tenho a certeza que vão querer contar estas histórias a todas as vossas amigas e amigos… vão sentir vontade de conservar cada uma delas enquanto o mundo perdurar.

SÍTIOS a onde quero ir com a digressão de contos & mulheres: 

  • Porto (confirmado para Maio, brevemente mais informação)
  • Sintra
  • Coimbra
  • Lisboa
  • Chaves
  • Braga
Procuro parceiras para esta aventura de contos, livros e mulheres
Se quiseres ajudar nesta digressão envia um email para 
osteuslivros@gmail.com 
e conta-me as tuas ideias para tecermos juntas. 

Este slideshow necessita de JavaScript.

#juntasCONTINUAMOSafazeracontecer

um abraço da vossa livreira vermelha,

Image and video hosting by TinyPic

© Confraria Vermelha – Livraria de Mulheres, 2015

Anúncios

A tua opinião é importante

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s